Protestos inúteis do Movimento Ecológico

A Danielle Bambace, ativista ecológica, não gostou do que eu disse no artigo “você acha mesmo que faz a diferença“. Aí eu fui olhar o blog dela, “Meus infinitos“, e encontrei o artigo “Em ação“, sobre um protesto do Greenpeace. Li com inegável saudosimo da época em que eu acreditava que esse tipo de ação fazia sentido. O problema é “apenas” que isso não resolve nada. Continue reading “Protestos inúteis do Movimento Ecológico”

O Jogo dos Sete Erros: campanha “Crack Nem Pensar” da RBS vai aumentar a violência no RS e em SC

Eu não duvido das boas intenções do Grupo RBS em promover uma campanha contra o crack, mas discordo frontalmente das diretrizes desta campanha específica. Sua fundamentação teórica é inadequada e suas propostas serão contraproducentes, isto é, vão aumentar a violência, a corrupção e outros problemas relacionados ao tráfico de drogas ao invés de ajudar a reduzi-los. Continue reading “O Jogo dos Sete Erros: campanha “Crack Nem Pensar” da RBS vai aumentar a violência no RS e em SC”

Incêndio destrói obras de Hélio Oiticica

Eu estava lendo um artigo da Mônica sobre o incêndio que destruiu as obras de Hélio Oiticica e me deparei mais uma vez com o que eu chamo “paradoxo do valor artístico”: o fato de algo ter valor porque foi Fulano que fez, não porque tem realmente valor, seja por sua beleza, utilidade ou qualquer característica intrínseca.  Continue reading “Incêndio destrói obras de Hélio Oiticica”

Inteligência é capacidade de adaptação!

“O reconhecimento da dignidade inerente a todos os membros da família humana e de seus direitos iguais e inalienáveis é o fundamento da liberdade, da justiça e da paz no mundo.” (DUDH) Se existe um atestado de burrice maior do que alguém ser “contra os Direitos Humanos”, negando assim a própria dignidade como ser humano, é algo merecedor de figurar no Guiness Book of Records ou de receber as honrarias dos Darwin Awards. Como sou moderador de um fórum pró-DH, todo dia encontro algum acéfalo atacando os Direitos Humanos, o que é entediante, mas é amplamente compensado quando encontro uma história como a que segue. Continue reading “Inteligência é capacidade de adaptação!”

Cadê as postagens pessoais?

Num dia desses alguém me questionou: “Arthur, cadê as postagens pessoais do teu blog? Só tem texto teórico lá, opiniões sobre grandes temas, viagem na maionese. Tu não vais falar nada sobre ti mesmo?” Putzgrila! Como assim “não vou falar nada sobre mim mesmo”? Tem alguma coisa mais eu mesmo do que tudo o que eu penso a respeito do mundo? Mas eu entendi a lógica da pergunta. Continue reading “Cadê as postagens pessoais?”

Você acha mesmo que “faz a diferença”?

Hoje recebi o seguinte tweet do GreenpeaceBR: “Use os dois lados da folha de papel. Se for reciclado melhor ainda. Essa dica faz a diferença.” NÃO, GREENPEACE, ESSA DICA NÃO FAZ A DIFERENÇA! Fico pasmo com a incapacidade do Movimento Ecológico e Ambientalista de abrir os olhos e reconhecer que as estratégias que faziam sentido na década de 1970 hoje são inócuas, diversionistas e portanto suicidas! PAREM DE SE ENGANAR, PAREM DE ENGANAR AS PESSOAS! Estamos no Século XXI, o mundo mudou muito desde a Estocolmo 1972 e da Rio-92, precisamos de um tipo completamente diferente de ativismo ecológico! 

ecobag
Não, você não é verde. Você é só ecochato.

Direitos negados aos cidadão homossexual no Brasil por intolerância oficial do Estado brasileiro contra sua orientação sexual

Eu encontrei esta lista no Orkut, em um tópico da comunidade Direitos Humanos, e fiquei impressionado com a quantidade de direitos que o Estado brasileiro nega ao cidadão homossexual em função de intolerância oficial contra sua orientação sexual. Quando se trata de respeito à diversidade sexual, o princípio constitucional de que todos são iguais perante a lei é letra morta. Isso é uma vergonha!  Continue reading “Direitos negados aos cidadão homossexual no Brasil por intolerância oficial do Estado brasileiro contra sua orientação sexual”