Fiquei mais de um ano com esta foto guardada no celular aguardando um momento em que eu estivesse com disposição para escrever a respeito. Ontem eu estive no mesmo estabelecimento onde a foto foi batida e vi o mesmo cartaz no mesmo lugar, sinal de que ou ninguém percebeu a enrolação ainda, ou a empresa acha que seus clientes  deveriam pintar o nariz de vermelho como o Ronald McDonald. Resolvi publicar o artigo antes que removam o cartaz.

Mac Otario Feliz

Leram bem o cartaz amarelo do meio? Vou repetir o texto aqui, para facilitar a vida do leitor no caso de alguém querer copiar o texto sem a foto:

ESTE

ESTABELECIMENTO

NÃO ACEITA CHEQUES

CF/88 ART. 5° INCISO I

Pois bem, vejamos o que diz a CF/88 em seu art. 5°no caput e no inciso I:

Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no país a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:

I – Homens e mulheres são iguais em direitos e obrigações, nos termos desta Constituição.

HEIN?

“Mas que raios tem a ver a igualdade de direitos e de obrigações entre homens e mulheres com o fato de o McDonald’s não aceitar cheques?” – perguntará você.

A resposta é simples: uma coisa não tem nada a ver com a outra.

No país do carnaval, do futebol e da novela, em que Paulo Coelho é idolatrado como maior escritor de todos os tempos e Machado de Assis é apenas um nome de rua, em que Mozart é considerado chato e o funk carioca – aquele que faz apologia a “sexo com novinhas” e à violência armada – é legalmente considerado patrimônio cultural, em que o povo pede para a polícia bater e matar e depois reclama quando sofre algum abuso, nada mais me espanta. Nem mesmo uma empresa debochar da inteligência (???) dos seus clientes.

E, pensando bem, chamar de otário desse jeito quem paga R$ 13,50 por um lanche insípido do tamanho de uma bolacha chega a ser um ato de misericórdia.

Arthur Golgo Lucas – arthur.bio.br – 06/04/2011

3 thoughts on “Sai Um Mac Otário Feliz?

  1. Ri muito…..e parei ao me dar conta de que em algum momento já devo ter sido enganada com algo parecido.

    Porque não sei de todas as leis.

    Quantas páginas possui a CF ?

    É ridículo,mas somos enganados por mera ignorância.

    É o famoso jeitinho brasileiro, ou burrice mesmo.

    Ainda hoje ouvi essas pérolas:

    O coração bate no lado esquerdo do peito e é ele
    que comanda nossas emoções.

    Todos sabem,tem até uma canção dizendo isso.

    E tu pensas que foi um analfabeto que me disse isso?Não mesmo.

    Do meu povo eu espero tudo,e mais um pouco,rs.

    Uma do Enem de 2011>

    ‘Vamos deixar de sermos egoistas e pensarmos um pouco mais em nos mesmos.’

  2. Manga-Larga

    07/04/2011 — 08:46

    Já era um fato que funcionários do MacDonalds são treinados para agirem como robôs e se embananam quando a situação foge do padrão. Verdadeiros imbecis. Agora já sei que clientes dessa loja tb o são (aqui perto de casa não tem esse aviso!).

    Você chegou a perguntar ao gerente da loja sobre o aviso e seus absurdos? Houve reação?

    PS: Deixei um recado no CONTATO e ainda não obtive resposta… dá uma passadinha lá!

  3. Na verdade o cartaz deveria constar “Inciso II” em que diz que ninguém é obrigado a fazer ou deixar de fazer algo senão por força da lei. Como não há lei que obrigue o recebimento de cheques, o estabelecimento pode perfeitamente recusar. Se cheque fosse considerado “dinheiro” o banco não poderia devolver por falta de fundos. Espero ter ajudado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *