A culpa é da minissaia? Em parte é.

O policial canadense Michael Sanguinetti fez a seguinte afirmação em uma palestra: “Me disseram que eu não devia dizer isso, mas as mulheres não deviam se vestir como vadias se não querem ser estupradas”. O resultado foi que “as alunas da universidade se revoltaram e sairam às ruas, ‘vestidas de vadias’, para afirmar que a culpada pelo estupro não é a vítima e nem a roupa que ela usa, mas sim, a conduta do estuprador.” Mas pouca gente percebe que por um certo ângulo o policial tinha razão. 

Atenção: este é um artigo sobre
GERENCIAMENTO DE RISCO.
Não se prenda a um exemplo só.

Continue reading “A culpa é da minissaia? Em parte é.”

A dieta de Jesus salva

Dona Maria era cristã devota, filha de uma família tradicional de uma cidade de interior, vegetariana convicta e fundadora da associação protetora dos animais da localidade. E era médica. Trabalhava no posto de saúde de uma pequena comunidade rural a poucos quilômetros de onde moro. Atendia com zelo e competência os pacientes… até o dia em que fé e ciência se mostraram incompatíveis. 

História baseada em fatos reais. (*)

Pão e Peixe

Continue reading “A dieta de Jesus salva”

As feministas e o aborto masculino

As feministas são a favor do aborto. As feministas dizem que lutam pela igualdade entre os sexos. Logo, as feministas deveriam reivindicar o direito ao aborto masculino. Como elas não o fazem, OU não são a favor do aborto, OU não lutam pela igualdade. Simples assim. A não ser, é claro, que o silogismo tenha sido “promovido” a instrumento machista do patriarcado falocêntrico historicamente opressor.  Continue reading “As feministas e o aborto masculino”

A solução para o Brasil é proibir o futebol

Navegando pelo Orkut e pela blogosfera eu sempre me incomodei com o fato de que artigos ou tópicos sobre determinados assuntos banais rendem discussões intermináveis enquanto propostas de debate sobre assuntos importantíssimos afundam inapelavelmente. Acho que entendi o motivo: são os “tópicos pebolim”. Explico. 

Aviso Anti-Aporrinhação: xô mau humor. Continue reading “A solução para o Brasil é proibir o futebol”