Sakamoto quer processar Tufão. Nenhuma palavra sobre Carminha

Essa foi pra matar. A novela Avenida Brasil já acabou, a postagem do Sakamoto é de vinte dias atrás, mas o ridículo é tanto que vou ter que gastar uns minutos para comentar a completa inversão de valores contida no texto – e no contexto – que o Sakamoto escreveu.  Continue reading “Sakamoto quer processar Tufão. Nenhuma palavra sobre Carminha”

Mudo o tema do blog?

Quando eu escolhi o tema do blog (tema Athaualpa no WordPress) meu principal critério foi facilidade de customização. O motivo foi simples: eu sabia que não sabia exatamente o que queria, então escolhi um tema bastante flexível para ir adaptando conforme aprendesse a lidar com sua parte técnica. Mesmo não sendo dos temas mais leves, acho que foi uma boa escolha à época. Mas surgiram outras variáveis.  Continue reading “Mudo o tema do blog?”

Bêbados armados

Perguntaram-me se eu acho coerente defender a legalização das drogas e das armas ao mesmo tempo. Claro que acho coerente. Eu exijo responsabilidade do cidadão nos dois casos, juntos ou separados. E quem tem que sofrer as conseqüências de sua própria irresponsabilidade é o irresponsável, não o resto inteiro da sociedade.  Continue reading “Bêbados armados”

Quatro perguntinhas sobre o desarmamento

Neste domingo eu enfrentei um debate sobre o desarmamento. Fiquei pasmo com a inutilidade de todos os argumentos, todas as estatísticas e todas as evidências que apresentei – o outro lado se mostrou simplesmente impermeável à razão. Resolvi então abandonar a argumentação e postar apenas quatro perguntas sobre o desarmamento para ver o que acontece.  Continue reading “Quatro perguntinhas sobre o desarmamento”